GOVERNO ANUNCIA MAIS R$ 73,4 MILHÕES EM INVESTIMENTOS NA SAÚDE: DEPUTADO FREDERICO ANTUNES GARANTE RECURSOS PARA CIDADES DA FRONTEIRA OESTE

GOVERNO ANUNCIA MAIS R$ 73,4 MILHÕES EM INVESTIMENTOS NA SAÚDE: DEPUTADO FREDERICO ANTUNES GARANTE RECURSOS PARA CIDADES DA FRONTEIRA OESTE

28 de Junho de 2022 0 Por fredericoantunes


Hospitais de Alegrete, Itaqui, Rosário do Sul e São Gabriel foram contemplados

O Governo do Estado lançou nessa quarta-feira (15/06), no Palácio Piratini, a quarta etapa do Programa Avançar na Saúde. Com aporte de R$ 73,4 milhões, a nova fase prioriza a melhoria dos centros cirúrgicos, qualificação da rede materno infantil, apoio ao Programa Assistir e a saúde bucal. Deste total, são R$ 51,5 milhões para 35 hospitais em todas as regiões do Estado.

Desde o início deste ano, o Deputado Frederico Antunes vem percorrendo as cidades da Fronteira, reunindo-se com lideranças políticas e também com profissionais das áreas técnicas da saúde (fotos), para apurar as necessidades dos hospitais e os gargalos nos atendimentos. Com base nessa análise e nos projetos apresentados, o Deputado Frederico encaminhou ao Governo do Estado, as principais demandas e os pedidos foram atendidos. Hoje, o Governador Ranolfo Vieira Jr., juntamente com a Secretaria Arita Bergmann, anunciaram os investimentos para os hospitais da região
Da Fronteira Oeste.
São eles:

📍ALEGRETE – R$ 2,35 milhões para Santa Casa.
✅ Serão utilizados em obras de estruturação do ambulatório de gestantes de alto risco, ambulatório de egressos da UTI neonatal e casa de acolhimento às gestantes. Além da aquisição de equipamentos para ambulatório de gestantes, UTI neonatal e equipamento de mamografia.

📍ITAQUI – R$ 1 milhão para o Hospital São Patrício.
✅ Aquisição de aparelho de mamografia.

📍ROSÁRIO DO SUL – R$ 1,75 milhão para o
Hospital de Caridade Nossa Senhora Auxiliadora.
✅ Adequação do serviço de hemodiálise às normas da VISA e aquisição de tomógrafo computadorizado.

📍SÃO GABRIEL – R$ 1 milhão para a Santa Casa de Caridade.
✅ Reforma do serviço de imagenologia

Também estiveram prestigiando a solenidade, com o Deputado Frederico, o administrador do hospital São Patrício, de Itaqui, Leandro Stersi e o diretores da Santa Casa de Alegrete, Cézar Brandolt e Carlos Mello.

DESPEDIDA DA LIDERANÇA DO GOVERNO E MISSÃO CUMPRIDA

Durante a solenidade, o Governo Ranolfo fez uma homenagem e um agradecimento especial ao Deputado Frederico Antunes, que está deixando a função de Líder do Governo, na Assembleia Legislativa. Foram três anos e meio de trabalho, que rendeu a aprovação de 100% das proposições encaminhadas pelo Executivo ao Legislativo, totalizando 242 projetos de lei aprovados e sancionados. Não houve nenhuma derrota do Governo nesse período.

“Em razão das reformas estruturais que fizemos no Estado, com o apoio da Assembleia Legislativa, conseguimos reduzir o déficit dos cofres públicos, zerar a dívida com os hospitais e fornecedores, colocar os salários em dia, ajustar as contas e voltar a fazer investimentos. Esses recursos para a área da saúde, é o maior dos últimos 20 anos. E tornam-se mais especiais por que significam proteger a vida e cuidar das pessoas”, resumiu Frederico Antunes.

O governador Ranolfo acrescentou: “Nós só estamos aqui hoje, anunciando mais recursos para a saúde, por que o parlamento gaúcho entendeu a agenda do governo. E a liderança do Deputado Frederico foi fundamental para viabilizar o nosso diálogo na aprovação das reformas estruturais”, afirmou

O ex e o atual secretários da Casa Civil, também renderam homenagens ao Deputado.

“A política só tem sentido se tiver propósito e se esse propósito deixar um legado. E o legado desse governo deve-se muito à extraordinária atuação do Deputado Frederico como líder do governo”, disse Otomar Vívian.
O atual secretário da pasta, Artur Lemos agradeceu ao Deputado pela experiência que transmitiu e o apoio que deu no comando de toda a articulação política.

Somadas as quatro fases do programa Avançar na Saúde, os investimentos totalizam R$ 542,5 milhões na qualificação da rede hospitalar, assistência farmacêutica e nas unidades básicas de saúde.